Aliados Brasil Oficial - Unidos Pelo Brasil!

MENU
Logo
Domingo, 13 de junho de 2021
Publicidade
Publicidade

Política

Voto impresso tem apoio de maioria em comissão e deve avançar na Câmara

A PEC do voto impresso é de autoria da deputada Bia Kicis 

196
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O voto impresso já conta com maioria na comissão que analisa o tema na Câmara de Deputados, segundo informações do Estadão/Broadcast.

De 32 parlamentares, 21 já manifestam aceno favorável ao tema.

Com isso, a pauta deve ser aprovada, avançando na tramitação da casa.

Bandeira defendida pelo presidente Jair Bolsonaro, o voto impresso conta, inclusive, com apoio da oposição.

Os adversários do governo acreditam que a medida deve colocar um fim nas fragilidades do processo eleitoral.

Apesar disso, PT e Rede são os partidos que montam resistência e tentam fazer que a ideia não avance.

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do voto impresso é de autoria da deputada Bia Kicis (PSL-DF), aliada próxima do presidente.

No início início de maio, a parlamentar, que é a atual presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), veio a público para rebater a narrativa de que a medida estaria enfrentando rejeição no Congresso.

Segundo ela, apesar de o tema ser liderado pela ala conservadora, grande parte dos parlamentares estão enxergando o projeto com bons olhos, além de já acenarem positivamente em defesa da aprovação da proposta de emenda à Constituição (PEC) 135/19, que torna obrigatória a impressão do voto nas eleições para que seja possível auditar o resultado das urnas eletrônicas.

Na sequência, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), decidiu instalar uma comissão especial para analisar a PEC.

A confiabilidade das Urnas Eletrônicas e a necessidade da contagem pública dos votos tem sido um tema abordado pelo Aliados Brasil Oficial no Youtube em uma série de lives denominada Contagem Pública de Votos. Assistam e veja a importância dessa luta.

Comentários: