Aliados Brasil Notícias

MENU

Notícias / Educação

Professora promove baile funk em escola com coreografias eróticas para alunos

Diretora de escola pública também aparece em vídeos divulgados por funcionários da escola

Professora promove baile funk em escola com coreografias eróticas para alunos
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A deputada Ana Campagnolo denunciou um caso de sexualização de adolescentes na escola pública Wanderley Júnior, de São José, Santa Catarina. No vídeo que a deputada apresentou no plenário da Assembleia Legislativa do estado de Santa Catarina, a professora aparece dançando juntos com os alunos ao som de músicas eróticas.

Nas músicas tocadas, frases como "Nós vai fud* no modo hard" "me soc*, me soc* "me fod* gostoso"

No vídeo, a professora e a diretora da instituição pública aparecem em movimentos libidinosos entre os alunos dançando as "músicas" pornográficas.

Leia Também:

Nas imagens é possível perceber os alunos em situação degradante, durante uma festa de Halloween realizada na escola. 

"Eu não sei o que é pior, mas já começa sabendo, todos que pagam imposto, é que estão pagando o salário desses responsáveis pela educação dessas crianças. Talvez vídeos como esse expliquem porque o Brasil está sempre em último, penúltimo lugar nos rankings de educação."

A deputada ressaltou que tem um projeto para que os alunos tenham direito de gravar o que acontece na sala de aula e um outro projeto que prevê a instalação de câmeras com áudio e imagem, em sala de aula.

A deputada também destacou que os vídeos foram divulgados por funcionários da escola

"Vocês, sabem de onde veio esse conteúdo? Do Instagram, das redes sociais dos próprios professores. Eles publicaram isso achando bonito. Teve uma das funcionárias da escola colocou 'olha tá mais animado que casa de show' e achou bom isso aí", disse a deputada.

Ana Campagnolo também disse que a Secretaria de Educação, de Santa Catarina, foi questionada se tem ciência do ocorrido e se alguma medida foi ou será tomada em relação aos profissionais envolvidos.

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )