Aliados Brasil Oficial - Unidos Pelo Brasil!

Notícias COVID-19

O conceituado médico Dr. Vernon Coleman explica por que a maioria dos vacinados contra Covid-19 morrerá cedo

No final de 2020, Dr Vernon já havia previsto todos os problemas que hoje estamos vendo com relação às vacinas contra COVID

O conceituado médico Dr. Vernon Coleman explica por que a maioria dos vacinados contra Covid-19 morrerá cedo
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Dr. Vernon Colemon é um conceituado médico inglês, que já escreveu mais de 100 livros, e só no Reino Unido possui mais de 2 milhões de cópias vendidas dos seus livros. Nesse artigo ele fala sobre a preocupação com os efeitos da vacina a longo prazo.

Leiam:

"Todos nós sabemos que os riscos a curto prazo para quem toma as injeções de Covid-19 são terríveis - piores do que os riscos associados a qualquer vacina ou medicamento tradicional que já foi feito, e houve algumas histórias de terror no passado associadas a produtos farmacêuticos, escreve Dr. Vernon Coleman.

As empresas farmacêuticas são as mais implacáveis ​​de todas as entidades corporativas - elas fazem as empresas de armas parecerem positivamente benevolentes. E, como mencionei antes, elas fazem os envolvidos no comércio ilegal de drogas parecerem relativamente decentes.

No final de 2020, há um ano, eu já falava que as injeções contra covid-19 causariam problemas cardíacos, derrames, problemas neurológicos, miocardite e pericardite.
Sei disso porque fiz vários vídeos no ano passado, 2020, nos quais expliquei que todas essas coisas iriam acontecer. E que os eventos adversos não seriam raros ou mesmo incomuns.
Se você estiver interessado, confira meu vídeo chamado 'Vacina Covid-19 - Possíveis efeitos colaterais da vacina' ou 'Informações vitais sobre a vacina Covid-19'. Ambos os vídeos foram filmados e publicados em dezembro de 2020 e ainda estão lá. Se eles estivessem no YouTube, é claro que teriam sido removidos.

Já escrevi dez mil palavras sobre os problemas de curto prazo com essas injeções.
Mas também tenho investigado os perigos a médio e longo prazo e o que descobri é verdadeiramente assustador. Isso realmente é um abate. A maioria dos vacinados, eu temo, ficará feliz se durar cinco anos - tudo por causa de uma injeção que não faz o que a maioria das pessoas pensa que faz.

Para ser honesto, qualquer pessoa que ainda aceite um desses reforços deve ser considerada suicida ou considerada louca. A expectativa de vida vai cair drasticamente - e não apenas porque a qualidade dos cuidados de saúde está se deteriorando diariamente. Sinceramente, acho difícil acreditar que existem pessoas por aí que passam por uma lavagem cerebral e ficam tão aterrorizadas com as mentiras que ouviram que aceitarão tantos reforços quanto forem oferecidos. A propósito, se você duvida das minhas credenciais, dê uma olhada na lista de minhas previsões e avisos em www.vernoncoleman.com 
E se você duvida disso, apenas leia minhas 20 milhões de palavras publicadas em livros e colunas antigas.
Os políticos, os cientistas do governo e os jornalistas afirmam que não há perigos a médio ou longo prazo associados as injeções experimentais.

Mas dizem isso porque parecem não saber nada sobre as vacinas tradicionais que podem e causam problemas a médio e longo prazo. E é claro que não sabem nada sobre as vacinas experimentais, porque ninguém na terra pode dizer com certeza o que vai acontecer em um, cinco ou dez anos.

No entanto, fiz uma tentativa determinada e clínica de analisar o que acho que vai acontecer. E é isso que eu encontrei.
Em primeiro lugar, é claro, existem os problemas cardíacos. Parece que o dano ao coração  é responsável de que tantos atletas em boa forma caiam mortos ou colapsem, provavelmente afeta muito mais pessoas do que sabemos. Os médicos dificilmente podem remover corações de pacientes vivos para ver quantos estão sofrendo de problemas cardíacos sérios em estágio inicial.
E ainda está no início da miocardite e pericardite e outros problemas.Esse problema agora é uma parte permanente da vida de muitos. E tudo foi previsto com grande precisão. 
Mais uma vez, basta olhar para os vídeos que fiz durante os últimos dois anos. Tudo estava previsto. Os vídeos estão todos no Brand New Tube. Eu avisei que mais, muito mais, iam morrer das injeções do que morreram ou morrerão com a rebatizada gripe.

Parece, é claro, que os problemas cardíacos pioram com exercícios extenuantes. Temo que haverá mortes repentinas entre as pessoas que trabalham, cavam neve ou fazem trabalhos pesados ​​no quintal. As mortes entre os idosos serão descartadas como resultado do envelhecimento normal.
A propósito, você notou que recentemente a linha oficial é que as pessoas que vão à academia têm mais probabilidade de ter derrames ou ataques cardíacos - como se simplesmente ir à academia fosse o problema? A injeção não é mencionada como a causa. Eles estão tentando normalizar derrames e ataques cardíacos para encobrir as lesões por vacinas.
E essa, eu suspeito, é também a razão pela qual tantos jovens estão desmaiando na pista de dança. O esforço, combinado com o calor, pressionou corações danificados. E eles entraram em colapso.
Eu acho que as histórias que circulam de que pessoas  se injetam em boates ou que bebem bebidas com “spikes”, são, em sua maioria, apenas isso – histórias.

Histórias destinadas a encobrir o problema real. Estranhamente, já vi alegações de que o aquecimento global é a causa de todos os problemas cardíacos que estamos vendo. Isso realmente é abusivo.
Não tenho dúvidas, infelizmente, de que veremos cada vez mais pessoas que desenvolverão problemas cardíacos graves como resultado de suas vacinas. Os idosos morrerão mais cedo do que de outra forma. Mas as mortes de jovens continuarão a chocar. Já existem pedidos para que desfibriladores sejam colocados em escolas e clubes esportivos por causa da epidemia sem precedentes de ataques cardíacos.

A mudança no sistema imunológico dos pacientes picados também será de grande importância. Alegadamente, muitos dos submetidos à picada dupla perderam uma boa parte da capacidade do sistema imunológico.Isso significa que eles são incrivelmente vulneráveis ​​a muitas doenças.
Portanto, suspeito que os vacinados serão extremamente vulneráveis ​​a novas cepas de gripe. Eles serão constantemente encorajados a aceitar novos reforços ,a fazer novos reforços, novos reforços  e assim por diante. O ignorante, o medroso e o suscetível se tornarão almofadas de alfinetes, as empresas farmacêuticas farão incontáveis ​​bilhões em lucros, os médicos receberão altas taxas para fornecer as injeções e os conspiradores do mal por trás da Agenda para um governo mundial se moverão cada vez mais perto de seu objetivo.                  

Os passaportes de vacinas, irão se transformar, naturalmente, em passaportes digitais, contendo dados financeiros e assim por diante, e a escravidão será completa. O futuro está muito, muito próximo.
Também haverá problemas neurológicos graves. Isso já está se desenvolvendo - a paralisia do nervo facial é bem conhecida, é claro. Mas haverá muitos outros conhecidos além dos de  2020.

 Haverá problemas de fertilidade? Meu palpite é que haverá. Certamente, ninguém pode dizer que não haverá.
É incrível como muitas mulheres não bebem uma taça de vinho para não prejudicar seus bebês, mas ficam felizes com uma injeção experimental. Ninguém sabe o que acontecerá com elas ou com seu bebê por nascer.

Cada vez mais mulheres que foram injetadas e engravidaram nascerão com bebês subdesenvolvidos. Ou os bebês terão problemas cardíacos graves. Quem sabe? Muitos bebês, sem dúvida,  serão perdidos ou natimortos no meio da gravidez .
A história médica está repleta de exemplos de drogas que todos disseram serem seguras, mas que se revelaram não tão seguras. A talidomida é apenas uma das muitas drogas dessa história.
E o que vai acontecer quando esses bebês crescerem? Eles serão completamente estéreis? Que outros problemas eles desenvolverão? O mRNA é um tipo de produto inteiramente novo. Ninguém pode dizer exatamente o que vai acontecer. Ninguém pode dizer a você o que vai acontecer em cinco, dez ou quinze anos. Temos que esperar e ver.
 E antes que alguém zombe, deixe-me lembrá-lo de que houve drogas que afetaram os filhos das mulheres que as usaram.
O medicamento dietilestilboestrol (DES) é uma versão manufaturada do estrogênio. Foi administrado a mulheres grávidas para prevenir abortos espontâneos. Era considerado seguro, embora fosse inútil para isso. Em 1971, descobriu-se que a droga causava câncer e os médicos nos Estados Unidos pararam de prescrevê-la. Os médicos na Europa continuaram por mais sete anos.

Mas há uma reviravolta na história. Mais tarde, ficou claro que as filhas de mulheres que usaram DES durante a gravidez tinham maior risco de desenvolver vários tipos de câncer. Escrevi sobre isso em meu livro Paper Doctors em 1977 - e os médicos europeus pararam de prescrever DES para mulheres grávidas. Demorou 40 anos para que o câncer se tornasse aparente.
O risco de câncer para os vacinados não pode ser subestimado. Ninguém sabe o que vai acontecer.
Já existem sinais iniciais de problemas.
Um médico em Idaho, na América, relata que observou um aumento de vinte vezes na incidência de câncer endometrial em pacientes vacinadas.

E, claro, problemas menstruais são conhecidos como um problema sério entre as vacinadas. Temo que a incidência de todos os tipos de câncer aumente dramaticamente entre os vacinados. Com o sistema imunológico alterado, provavelmente surgirão grandes problemas.
E há outro problema.
Os vacinados poderão tomar medicamentos com ou sem receita? Se eles tomarem aspirina ou warfarina, por exemplo, esses problemas de sangramento irão piorar? Estamos em um território completamente novo. Duvido que os matemáticos e especialistas em operações psicológicas que aconselham o governo tenham alguma ideia dos problemas que podem surgir das interações entre as drogas e as pessoas comuns. E, uma vez que o covid jab é totalmente novo, não há limite para o número de problemas que virão.

Então, o que os vacinados podem fazer para se ajudarem?
Bem, antes de mais nada, espero que as pessoas vacinadas não tomem mais nenhuma reforço dessas injeções tão venenosas. Suspeito que o dano seja cumulativo - talvez seja por isso que eles estão tão interessados ​​em injetar a substância nas pessoas em tais quantidades.
Os injetados devem evitar exercícios extenuantes para que seus corações não sejam prejudicados de alguma forma. Temo que o dano nem sempre apareça quando o coração for testado.
Exercícios leves  para aqueles que receberam a injeção covid-19. Os jogadores de futebol que disseram "não" foram mais sábios do que sua reputação.

E se eu acidentalmente  tomar uma injeção (e teria sido um acidente terrível para mim receber qualquer injeção ou vacina), gostaria de manter meu sistema imunológico em ótimas condições. Você pode comprar facilmente vitamina D e zinco. Você pode facilmente comprar suprimentos de ambos – mas não tome mais do que a dose recomendada, pois isso pode ter efeitos colaterais graves e potencialmente fatais se você fizer isso. 
Os vacinados  devem verificar primeiro com seus médicos - antes de tomar qualquer medicamento ou suplemento.
Os vacinados representarão uma ameaça para as pessoas ao seu redor? Bem, sim, receio que sim. Eles carregam algumas infecções sem mostrar quaisquer sintomas ou sinais e, portanto, suspeito que irão espalhar essas infecções. A disseminação assintomática não acontecia antes das imunizações, mas agora há evidências de que os vacinados podem espalhar a infecção sem mostrar os próprios sintomas.

Há muito tempo, relatei a teoria de que indivíduos imunossuprimidos poderiam fornecer um reservatório no qual os vírus poderiam sofrer mutações mais facilmente.
O problema é que as autoridades não serão honestas sobre nada disso.  Eles alegarão que as mortes dos vacinados são causadas por novas variantes e sempre que puderem, é claro, culparão os sensatos que se recusaram a ser infectados com a mistura mais mortal e venenosa já inventada e promovida por governos, empresas farmacêuticas e o  establishment médico.
E as injeções terão algum efeito no cérebro dos vacinados? Bem, eu ficaria surpreso se isso não acontecesse. Qualquer coisa que afete o sistema circulatório e o sistema imunológico provavelmente afetará o cérebro de uma forma ou de outra.  Além de grandes sangramentos, o que acontecerá com a inteligência do lesado?
Talvez isso explique por que os indivíduos vacinados parecem tão estúpidos. A maioria usa máscaras, você não pode ser mais estúpido do que isso. E, claro, as máscaras aumentam a estupidez porque aqueles que as usam estarão respirando uma quantidade reduzida de oxigênio.
O resultado final é que temo que os vacinados tenham uma expectativa de vida muito reduzida. E não acredito que seja uma coincidência.

Quanto tempo eles viverão?
Bem, alguns provavelmente viverão muito. Alguns fumantes de cigarros chegam aos 90 anos. O corpo humano nem sempre se comporta como esperado - esse é o ponto principal.
Mas temo que muitos morrerão durante os meses de inverno. As taxas de mortalidade vão disparar nos próximos anos. Os governos culparão as novas cepas da gripe. Mas isso será outra mentira.
Temo que muitas das pessoas vacinadas não terão mais do que cinco anos em média antes de se tornarem uma estatística.
Os verificadores de fatos dirão que não posso provar isso.
E eles estão certos. Eu não posso fazer isso. Tudo o que posso fazer é examinar os fatos que temos e tirar conclusões. E quero lembrá-lo de que estou absolutamente certo sobre essa falsa pandemia e as vacinas desde março de 2020. Tenho sido, creio eu, muito mais preciso do que qualquer porta-voz do governo. E meus vídeos, artigos e colunas ainda estão lá para você verificar se quiser."

Fonte

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )