Aliados Brasil Notícias

MENU

Notícias / Economia

Lula e Haddad se reúnem hoje no Alvorada, a pauta é politica fiscal e alta do dólar

Política fiscal e alta da moeda americana estão na pauta dos encontros entre presidente e ministro nesta quarta

Lula e Haddad se reúnem hoje no Alvorada, a  pauta é politica fiscal e alta do dólar
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está reunido na manhã desta quarta-feira (3) com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, para discutir a política fiscal do governo. O encontro, que ocorre fora da agenda, acontece no Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência da República.

Na terça-feira (2) Haddad afirmou a jornalistas que iria apresentar nesta quarta ao chefe do Executivo propostas que assegurem o cumprimento do arcabouço fiscal em 2024, 2025 e 2026 – último ano do atual mandato do petista. O ministro não quis cravar uma data para divulgação de medidas e destacou que as equipes estão trabalhando no tema há 60 dias.

 Não estou querendo marcar data porque estamos há 60 dias trabalhando nisso. O presidente está mobilizando o Planejamento, Casa Civil e Fazenda para não só elaboração do orçamento de 2025 mas como para execução orçamentária de 2024. E ele está preocupado – disse Haddad na terça.

Leia Também:

A agenda oficial de Lula prevê outra reunião à tarde com Haddad para tratar sobre a alta do dólar. Para o presidente, o movimento está ocorrendo por causa de uma “especulação contra o real”.

– Nós temos que fazer alguma coisa – disse Lula nesta terça-feira, em entrevista a uma emissora de rádio na Bahia, ao anunciar a reunião para tratar do tema e de outros assuntos ligados à economia.

Além de Haddad, o encontro previsto para as 16h30 contará ainda com os ministros da Casa Civil, Rui Costa; do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet; da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos, Esther Dweck; o secretário executivo do Ministério da Fazenda, Dario Durigan; e o secretário especial de Análise Governamental da Casa Civil, Bruno Moretti.

Fonte/Créditos: Pleno News

Créditos (Imagem de capa): Foto: Ricardo Stuckert

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )