Aliados Brasil Oficial - Unidos Pelo Brasil!

Covid no Brasil, recorde?

Últimas Notícias

Covid no Brasil, recorde?

Será que a mídia está noticiando a verdade? Acompanhe sem especulações.

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

     No último dia do mês de março, como mostra o ministério da saúde, foi registrado 3869 óbitos no Brasil em decorrência do Covid diferentemente do que mostra um determinado consórcio de veículos de imprensa.

     Nas últimas semanas tivemos uma queda desse número de 17798 para 10965, o que representa 61 %. Em 1º de abril, entramos na 14ª semana de acompanhamento.

      Há um ano, o quantitativo foi aproximadamente 5% menor. O que não representa um recorde como temos visto algumas mídias anunciarem.

      O que ninguém mostra e que nos faz falta nesse momento tão assustador, são os valores de recuperados.

      São 11.169.937 pessoas recuperadas, 87,6 % de todos os infectados. Temos acumulado desde o início da crise sanitária mundial aqui no Brasil 12.748.747 casos confirmados, com 321.515 óbitos totais, representando 2,5% de letalidade.

      Ao observar os estados e regiões em separado, a região sudeste, com o peso do estado de São Paulo, que é o estado que tem seu número triplicado em comparação ao segundo estado com mais mortes, Minas Gerais; tem 74652 óbitos desde o início, sendo 1160 novos óbitos.

      Não só falando de Brasil, mas de mundo também, notamos que, apesar do nosso país estar em segundo lugar de “casos confirmados”, estando atrás dos EUA em menos da metade, é o 5º país em vacinas aplicadas, ou seja, mais de 18 milhões de doses efetuadas.

      Claro que ainda representa um quantitativo relativamente pequeno dentro do universo de mais de 200 milhões de habitantes, mas a procura é no mundo inteiro e são poucos os produtores de vacina.

      Perceba que há uma busca e tanto!

      A doença é séria, como qualquer doença. No caso do Covid-19, o novo Covid, se faz necessária uma atenção especial, porém não podemos tratar seus resultados negativos com espetáculo, como temos visto em muitas mídias de grande visualização que não fornecem às suas massas informação sucinta e objetiva, sem especulações e opiniões. Cremos que estamos numa mesma situação e precisamos ver que há luz no fim do túnel.

FONTE/CRÉDITOS: Aliados do Brasil/ Ministério da Saúde - BR
FONTE/CRÉDITOS (IMAGEM DE CAPA): Foto de Anna Shvets no Pexels
Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )