Aliados Brasil Oficial - Unidos Pelo Brasil!

Brasil sobe para 9º em ‘ranking’ de maiores economias do mundo

Economia

Brasil sobe para 9º em ‘ranking’ de maiores economias do mundo

País ficou à frente de gigantes como EUA e Reino Unido

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

O crescimento de 1% do Produto Interno Bruto (PIB) ajudou o Brasil a subir posições em um levantamento internacional da agência classificadora de risco de crédito brasileira Austin Rating. Graças ao resultado acumulado no primeiro trimestre de 2022, o país torna-se agora a nona economia do mundo.

No fim do quarto trimestre de 2019, período pré-pandemia, o PIB brasileiro estava 1,6% abaixo do valor deste ano. Naquele período, o país ocupou o 26º lugar no ranking da Austin Rating.

O resultado neste ano colocou a economia do Brasil à frente de países como Estados Unidos (-1,4%), Reino Unido (+0,8%), Alemanha (+0,2%), França (-0,1%), Suíça (+0,5%), Coreia do Sul (+0,85), Japão (-0,3%).

O anúncio do crescimento foi divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística na quinta-feira 2. O valor deste primeiro trimestre de 2022 é 1,7% abaixo do ponto mais alto da atividade econômica nacional, registrado no primeiro trimestre de 2014.

O Peru foi o país que ocupou o primeiro lugar no levantamento deste ano. A China, por sua vez, ficou em quinto lugar e apresentou uma alta de 1,3% na margem trimestral. Já os EUA enfrentaram um recuo do PIB, o que colocou o país na 28ª posição do ranking.

Dentre as 32 posições selecionadas no mundo, a Rússia ocupou o último lugar, apesar do aumento de 3,5% da sua economia, em comparação ao mesmo período do ano passado. O país sofre com as consequências da atual crise, provocada principalmente pela invasão na Ucrânia.

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )