Aliados Brasil Oficial - Unidos Pelo Brasil!

Bolsonaro comenta ‘ameaças de cadeia quando deixar o governo’

Política

Bolsonaro comenta ‘ameaças de cadeia quando deixar o governo’

Presidente acredita que há conspiração para prendê-lo sob acusação de atos antidemocráticos

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Em discurso feito durante agenda com pastores nesta quinta-feira (4), o presidente Jair Bolsonaro (PL) sugeriu que há uma conspiração para prendê-lo caso ele não seja reeleito. Para o chefe do Executivo, seus opositores pretendem acusá-lo de atos antidemocráticos, semelhantemente ao que ocorreu com a ex-presidente da Bolívia Jeanine Añez, condenada a dez anos de prisão sob a justificativa de que ela teria elaborado um golpe conta o o ex-presidente Evo Morales, em 2019.

– Por vezes me pergunto: “Quem sou eu para chegar onde cheguei?”. Isso não é da boca para fora. O pessoal sabe, quando anda comigo, quantas vezes eu falo: é muito mais fácil estar do outro lado, mas muito mais fácil, e não estar sendo ameaçado de cadeia quando deixar o governo – disse Bolsonaro.

Segundo informações da Folha de S.Paulo, esse tem sido um assunto abordado com recorrência pelo presidente em conversa com seus aliados. Ele não espera acusações somente contra ele, mas também contra sua família.

Caso não se reeleja, o presidente perderia o foro privilegiado e passaria a ser julgado pela Justiça comum.

No mesmo discurso, Bolsonaro voltou a destacar suas críticas ao sistema eleitoral e seus pedidos por eleições “mais transparentes”.

– Três do TSE acreditam piamente nas pesquisas do Datafolha. Eu estou fazendo a minha parte no tocante a isso, buscando impor, via Forças Armadas, que foram convidadas, a nós termos umas eleições transparentes – assinalou.

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )